Províncias

Abertura do cento de saúde preencheu lacuna no sector

A entrada em funcionamento do Centro de Saúde na comuna da Gamba, Bié, contribui significativamente para a melhoria da qualidade de assistência médica e medicamentoso à população, disse o seu responsável à Angop.

Momento em que o governador da província do Bié procedia à inauguração do centro
Fotografia: Sérgio V. Dias

Jacinto Calongo afirmou que diariamente são atendidos mais de 30 pacientes, com várias doenças, especialmente diarreica e respiratórias agudas, malária, febre tifóide e infecções de transmissão sexual.
O centro funciona com 16 enfermeiros, o que ele considera insuficiente para o número de doentes, pelo que é preciso um médico especialista especialista em clica geral e outro em obstetrícia e ginecologia.
O Centro de Saúde da comuna, instalado no âmbito do Programa de Impacto Económico e Social 2013/201, tem banco de urgência, salas de observação, farmácia, áreas para consultas de ginecologia e cirurgia, oito enfermarias, cozinha, refeitório e lavandaria.
Também dispõe de dois grupos geradores de 50 Kva e uma viatura para o apoio ao pessoal de enfermagem.

Tempo

Multimédia