Províncias

Acção formativa para escuteiros

Matias da Costa | Cuito

A Associação de Escuteiros de Angola reuniu, na terça-feira, na cidade do Cuito, responsáveis das províncias de Benguela, Namibe, Luanda e Bié, para uma acção formativa, com vista à requalificação do sistema de recursos e quadros da organização.

Na acção, participaram 30 elementos, que abordaram temas relacionados com a vida da cidade do Lobito, a generalidade do escutista e o ensinamento do dirigente que trabalha com os escuteiros mais pequenos.
O chefe dos escuteiros do Bié, Aurélio Lica, explicou que a formação se enquadra no programa desenvolvido pela organização mundial do movimento escutista, que lançou vários cursos para o aperfeiçoamento dos dirigentes das associações.
“Estamos a participar activamente na formação. Estamos convencidos que sairemos daqui com boas ideias que, de certo modo, nos vai ajudar nas nossas tarefas”. Na província do Bié, a Associação dos Escuteiros de Angola tem mais de 1.500 membros, afectos às igrejas Católica.

Tempo

Multimédia