Províncias

Administrações reforçam intervenções

Matias da Costa | Chitembo e JOSÉ CHAVES | Nharea

Os administradores dos nove municípios do Bié sublinharam, em Chitembo, a importância de, no âmbito do Plano Nacional de Desenvolvimento (PND), serem reforçadas as políticas estratégicas socioeconómicas para melhorarem as condições de vida das comunidades.

Governo traça estratégia de melhoramento das condições de vida das populações
Fotografia: JA Imagem

A opinião foi manifestada num encontro com o governador provincial destinado a apreciar, entre outras questões, o processo da construção e comercialização dos 200 fogos habitacionais por municípios, o impacto do salário mínimo nacional no Bié, as fases de repatriamento de angolanos, a expansão da merenda escolar, bem como o abastecimento e distribuição de energia eléctrica e água potável.
O governador referiu a importância da troca de ideias e experiências no processo do desenvolvimento de Angola e pediu “aos gestores dos recursos públicos” que tenham “mais sensibilidade social”  e lembrou que “todos devem assumir de corpo e alma as responsabilidades das acções que lhes são acometidas”.
Álvaro de Boavida Neto recorreu ao discurso do Presidente da República na abertura do ano parlamentar para acentuar o interesse de se partilhar com o cidadão comum as informações políticas, económicas e sociais para ele poder contribuir no desenvolvimento do país. O governador disse que, apesar dos progressos registados, há ainda muitas coisas a fazer no quadro do processo de construção e reconstrução nacional e que é preciso manter a estabilidade económica, com a aposta na diversidade da produção interna.

Obras na Nharea
 
O governador esteve igualmente no município da Nharea, onde visitou algumas obras em curso, entre as quais as de duas escolas, de oito e 12 salas de aulas, cujo os trabalhos estão praticamente concluídas, e as de construção do Comando Municipal da Polícia Nacional, além da instalações da regedoria.
Álvaro de Boavida Neto, que garantiu que o Governo Provincial continua a desenvolver esforços para a resolução dos problemas básicos da população, prometeu aos munícipes que em breve o Bié dispõe de mais escolas, unidades sanitárias e sistemas de distribuição de água e de energia eléctrica.

Tempo

Multimédia