Províncias

Andulo com falta de professores

José Chaves | Andulo

O município do Andulo, Bié, necessita de 639 professores e de mil salas para acabar com o défice na educação, disse, na segunda-feira, ao Jornal de Angola, o chefe de repartição municipal do sector.

O município do Andulo, Bié, necessita de 639 professores e de mil salas para acabar com o défice na educação, disse, na segunda-feira, ao Jornal de Angola, o chefe de repartição municipal do sector.
António Caliqui afirmou que neste ano lectivo estão matriculados 92.248 alunos, da iniciação a 12ª classe, e que há 1.839 professores em 207 escolas. A situação da falta de professores, referiu, pode ser resolvida após a realização do concurso público.
“Tão  tão logo que se realize o concurso público, vamos procurar enquadrar os professores naquelas escolas onde notamos um grande défice. Estamos no bom caminho”.

Tempo

Multimédia