Províncias

Andulo solicita mais apoio na mobilização de recursos

Filipe Eduardo| Andulo

A administradora do Andulo, Maria Lúcia Chicapa, exortou quinta-feira, naquela circunscrição, os funcionários do Instituto de Formação da Administração Local (IFAL) e os parceiros a não esquecerem aquele município sempre que encontrarem possibilidades de mobilizar recursos financeiros que possam dar solução a um determinado problema da população.

A administradora do Andulo, Maria Lúcia Chicapa, exortou quinta-feira, naquela circunscrição, os funcionários do Instituto de Formação da Administração Local (IFAL) e os parceiros a não esquecerem aquele município sempre que encontrarem possibilidades de mobilizar recursos financeiros que possam dar solução a um determinado problema da população.
Maria Lúcia Chicapa fez este apelo no encerramento do Conselho Pedagógico e das Jornadas Técnicas de Formação, que tiveram lugar de 17 a 20 do corrente mês, no município do Andulo.
“Apelamos à sensibilidade dos participantes, para que não se esqueçam deste território que muito precisa da vossa ajuda, para continuarmos a erguer salas, para fazer com que muitas crianças deixem de estudar ao ar livre, hospitais e outras infra-estruturas sociais, que muita falta fazem às nossas populações”, salientou Maria Chicapa. 
A responsável municipal disse que os quatro dias de trabalho proporcionaram um amb iente interactivo e de troca de experiências. 
“Reconheço que nem tudo que foi decidido encontrará terreno fácil para a sua execução, mas qualquer processo requer paciência, exigência e visão de equipa participativa para o alcance das metas”, afirmou a administradora.
Maria Chicapa exortou a direcção do IFAL, o colectivo dos trabalhadores e os parceiros a não se desmoralizarem em caso de dificuldades, pois, acrescentou, é andando que se faz o caminho.
Para Maria Chicapa, a realização deste evento na vila do Andulo é a prova evidente de que a distância não deve servir de barreira ou justificação para não realizarmos acções que possam desenvolver os nossos sectores e o nosso país.
“A vossa estadia no Andulo aumentou a nossa responsabilidade”, disse a administradora Maria Lúcia Chicapa, que prometeu tudo fazer para que as dificuldades que o território ainda vive não sirvam de barreira para abrir as portas a quem pretenda realizar acções no município e arredores.

Tempo

Multimédia