Províncias

Aplicação de novas técnicas para diversificar a produção

Delfina Victorino | Cuito

Agricultores do município de Cuemba, na província do Bié, estão a receber formação sobre novas técnicas de cultivo, com vista a diversificarem a produção, uma iniciativa da organização People In Need, da República Checa.

Milhares de agricultores foram formados e agora estão melhor preparados para exercer a actividade
Fotografia: Daniel Benjamim

A chefe da missão daquela Organização Não-Governamental no Bié, Cristina Santos, disse que a instituição actua nos municípios que requerem atenção especial e onde decorrem actividades no campo agrícola.A organização People In Need actua, neste momento, nos municípios do Cuito, Cuemba, Nharêa, Chitembo, Cunhinga, Andulo, Camacupa e Catabola, faltando apenas abranger o Chinguar.A chefe de missão daquela instituição checa justificou que o município de Chinguar já conta com a intervenção de outras instituições no que se refere à actividade de prospecção de novas técnicas para os agricultores.
Cristina Santos avançou que a aposta no sector agrícola foi feita com base nas dificuldades alimentares que a província enfrenta. “Por esse facto, havia a necessidade de se repassar a técnica aos agricultores, também por causa do conflito armado, que assolou a região”, disse.
Até agora, mais de mil agricultores do Bié foram formados em novas técnicas de cultivo pela People in Need. A chefe de missão da ONG da República Checa esclareceu que no sector da Educação, a instituição tem colaborado com o Governo, sobretudo, na reconstrução de infra-estruturas escolares das zonas rurais.

Tempo

Multimédia