Províncias

Associação de deficientes colhem toneladas de batata

Deficientes físicos dos municípios do Andulo e do Chinguar, que fazem parte de associações de camponeses, graças ao projecto “Vem Comigo”, colheram oito toneladas de batata rena, que estão a ser escoadas para outras províncias para venda.

Deficientes físicos apostam na agricultura
Fotografia: Jornal de Angola

Deficientes físicos dos municípios do Andulo e do Chinguar, que fazem parte de associações de camponeses, graças ao projecto “Vem Comigo”, colheram oito toneladas de batata rena, que estão a ser escoadas para outras províncias para venda.
O projecto, desenvolvido pela Associação Nacional dos Deficientes Angolanos (ANDA), beneficia mais de 300 deficientes nas duas localidades, que executam pequenos projectos agrícolas para subsistência.
O projecto, que completa nove anos em Abril, desenvolve-se a bom ritmo, disse o seu coordenador, que anunciou estar prestes a terminar a construção de um centro para a formação profissional dos associados.
Filipe Cangango referiu que ainda há ex-militares deficientes que necessitam de ser reintegrados no sistema produtivo, que vão formados, naquele centro, em serralharia, carpintaria, mecânica, corte e costura e sapataria.

Aeroporto em obras 

O aeroporto Joaquim Kapango, no Cuito, está a ser equipado com meios sofisticados, num investimento do Executivo de mais de meio milhão de dólares, disse, à Angop, o director provincial das Obras Públicas.
José Tchatuvela afirmou que o aeroporto vai dispor de dois terminais, um de carga e outro de embarque e desembarque, de uma área para facilitar o trabalho do serviço de protecção civil e bombeiros e de iluminação da pista.

Tempo

Multimédia