Províncias

Aulas à distância para o ensino superior

Os habitantes da província do Bié dispõem de um nova solução para frequentarem o ensino superior, caso não consigam vagas nas unidades existentes na região. Trata-se do serviço de aulas à distância, implementado pelo Instituto Privado Guarise-Angola.

O acto de lançamento do projecto decorreu na cidade do Cuito, sob orientação do coordenador local da Guarise-Angola, Ladislau Jeremias, que salientou que a instituição já se encontra instalada nas províncias de Luanda e Cunene. Para a província do Bié, a instituição tem disponíveis 40 vagas em licenciatura, 30 para mestrados e igual número para a pós-graduação.
O coordenador da Guarise-Angola indicou que estão disponíveis os cursos de Pedagogia, Gestão Pública, Gestão Comercial, Recursos Humanos, Comunicação Institucional, além de outros não revelados.
Ladislau Jeremias avançou que a Guarise-Angola tem a missão de permitir que os cidadãos possam dar continuidade da formação superior, sem necessidade de deslocação da sua zona de jurisdição. O coordenador disse que a instituição trabalha em parceria com a Guarise-Brasil e outras universidades de países da América latina, com destaque para Argentina, Uruguai, para ministrar licenciaturas, pós-graduação e mestrados nas várias áreas do saber.
O responsável informou  que a Guarise-Angola está a representar a nível do país seis Universidades estrangeiras, todas da América Latina.
A Guarise-Angola é um instituto de ensino superior à distância, com sede em Luanda e conta com representações nas províncias do Cunene e do Bié.

Tempo

Multimédia