Províncias

Autoridades preocupadas com exploração ilegal de inertes

O administrador do município do Cuito (Bié), Avis Agostinho Vieira, manifestou-se preocupado com a exploração ilegal de inertes na circunscrição.

Em declarações à Angop disse que os exploradores ilegais de pedra, areia e burgau devem mudar de conduta uma vez que têm provocado desvios dos rios e causado grandes prejuízos ao Estado.
 Avis Vieira acrescentou que importante extrair correctamente os recursos naturais, dentro dos parâmetros da sustentabilidade, para não provocar graves danos ao Ambiente, como está a acontecer nos locais onde existe extracção ilegal de areia e burgau.   “É preciso não colocar em perigo o futuro das comunidades, por causa da má conduta de pessoas que insistem em fazer exploração de inertes ilegalmente”, disse Avis Vieira.
 De acordo com o administrador, na base desta acção está o índice de pobreza das famílias e os poucos conhecimentos sobre a preservação do Ambiente.

Tempo

Multimédia