Províncias

Boavida Neto defende informação oportuna

Matias da Costa

O governador do Bié defendeu terça-feira, no Cuito, o redobrar de esforços dos órgãos da Comunicação Social na procura, tratamento e divulgação dos factos noticiosos, em todos os segmentos e localidades, para se alcançar o equilíbrio da sociedade na província.

Fotografia: Jaimagens | Edições Novembro

Boavida Neto falava durante um encontro de trabalho com os responsáveis da Agência de Notícias Angop, Edições Novembro, Rádio Nacional de Angola, Televisão Pública de Angola, Rádio Eclésia e com a directora provincial da Comunicação Social.
Segundo o governador, os órgãos da Comunicação Social representam e elo de ligação entre a população e as diferentes estruturas da Administração do Estado. De acordo com o governador, a informação fluída e oportuna ajuda os servidores públicos a melhorarem as suas prestações de serviço. 
O governador afirma que muitas vezes ocorrem dentro dos espaços da informação pública manifestações de pessoas anónimas, singulares e colectivas a exprimirem sentimentos que não chegam ao conhecimento das autoridades, para a solução de problemas que afligem a população.
Boavida Neto reafirma a necessidade de se continuar a formar e informar a sociedade, para criar a consciência que sustenta a plataforma nacional da paz, unidade e reconciliação nacional.
O governador da província do Bié pediu compreensão nas possíveis falhas da materialização dos programas do governo em beneficio da população.

Tempo

Multimédia