Províncias

Camponeses em Nharêa apostam na alfabetização

José Chaves | Nharêa

Pelo menos 640 camponeses do município de Nharêa, na província do Bié, começam, ainda este mês, a ser alfabetizados, no âmbito de um programa promovido pelo Mosap II (projecto de agricultura familiar voltado para o mercado), que visa aperfeiçoar as formas de intervenção dos agricultores nas escolas de campo, segundo o director da Estação de Desenvolvimento Agrário (EDA).

Aumenta o número de idosos interessados em aprender a ler
Fotografia: DR

Adolfo Sequalali assegurou que os níveis de aproveitamento nas salas de aula se têm revelado satisfatórios e alargam as perspectivas de desenvolvimento no ciclo de vida dos camponeses da região. O responsável da Estação de Desenvolvimento Agrário defende o reforço do programa de alfabetização, uma vez que muitas famílias camponesas manifestam a vontade de frequentar novas fases de aprendizagem.
Adolfo Sequalali acrescentou que as aulas decorrem das seis às sete horas e que foram criadas 16 escolas de campo. O município de Nharêa possui 103 associações de camponeses.
As escolas de campo são um novo conceito de transmissão de conhecimentos dos técnicos agrários aos camponeses associados, para melhorar o sistema de produção agrícola e as suas condições de vida.

Tempo

Multimédia