Províncias

Casas sociais em construção no município

José Chaves| Andulo

Um total de 172 fogos habitacionais vai ser construído até final do ano no município do Andulo, província do Bié, anunciou sábado o director da construtora Kora Angola.

Filipe Caldeira revelou o facto no decurso de uma visita ao Andulo de representantes dos ministérios do Urbanismo e Habitação e da Energia e Águas.
O responsável da Kora Angola, vencedora do concurso público para a construção de sete mil fogos habitacionais na província do Bié, sublinhou que as obras no município vão arrancar nos próximos dias.
“Estão criadas as condições técnicas e humanas para o arranque da empreitada, previsto para dentro de dias”, disse.
No Andulo está prevista a construção de mil casas sociais, numa área de  de aproximadamente  30 hectares. A localidade possui uma reserva fundiária de 72.235 hectares.
Além das casas, também serão construídos lancis, passeios, redes técnicas de baixa e alta tensão, sistemas de abastecimento de água potável e outros equipamentos sociais. O município do Andulo, no Bié, tem uma superfície de 10.700 quilómetros quadrados e 311.544 habitantes.
Além do Andulo, o governo provincial adjudicou a construção de fogos habitacionais nos municípios de Camacupa, Chitembo, Chinguar, Catabola, Cunhinga, Cuemba e Nharea, para as populações mais necessitadas.

Tempo

Multimédia