Províncias

Centralidade do Andulo elogiada pelos munícipes

José Chaves | Andulo

Munícipes do Andulo, na província do Bié, elogiam o Governo pela construção da nova centralidade, que vai permitir a acomodação condigna de muitas famílias da região.

Jovens e funcionários públicos são os principais beneficiários da nova centralidade
Fotografia: Eduardo Pedro | Edições Novembro

Adelino Félix, de 22 anos, residente na vila do Andulo, disse ontem ao Jornal de Angola que a nova centralidade vai permitir que os jovens da circunscrição possam concretizar o sonho da casa própria. Já Helena Cassinda, 45 anos, funcionária pública, afirmou que a construção da nova centralidade veio em boa hora, porque vai diminuir o défice habitacional para os funcionários públicos e os jovens.
A nova centralidade é um projecto enquadrado no Programa Nacional de Habitação, traçado pelo Executivo, para diminuir o problema da falta de casas, principalmente no seio da juventude e de funcionários públicos.
Os prédios da centralidade são de três pisos e os seus apartamentos do tipo T3. A centralidade do Andulo tem já concluídos e prontos para habitar 172 habitações, entre apartamentos e moradias térreas e de dois pisos. Além de uma rede de energia, o complexo dispõe de um sistema de abastecimento de água e outro de tratamento de resíduos.
A segunda fase da centralidade do Andulo vai dispor de edifícios habitacionais modernos, hospitais, escolas, quadras desportivas multiusos e uma rede viária com cinco quilómetros, mercados, centros comerciais e outras estruturas.
Neste momento foram concluídos os arruamentos e a pavimentação. Está em curso na centralidade a instalação da rede de saneamento básico, sistemas de abastecimento de água potável e de energia eléctrica domiciliar.
O projecto da nova cidade, construída numa área de 72.235 hectares, consta do Programa de Investimentos Públicos, com vista o desenvolvimento social e económico da província do Bié, onde está também em construção a centralidade do Cuito.
O município do Andulo, que fica a 130 quilómetros do Cuito, capital da província do Bié, tem uma superfície de 10.700 quilómetros quadrados e uma população de 258.161 habitantes.

Tempo

Multimédia