Províncias

Centro de saúde de Calussinga precisa de mais enfermeiros

José Chaves| Andulo

O centro de saúde da comuna de Calussinga, na província do Bié, inaugurado em Setembro, necessita de mais enfermeiros para garantir maior cobertura e melhorar a rede sanitária, disse, ontem, ao Jornal de Angola, o seu director.

O centro de saúde da comuna de Calussinga, na província do Bié, inaugurado em Setembro, necessita de mais enfermeiros para garantir maior cobertura e melhorar a rede sanitária, disse, ontem, ao Jornal de Angola, o seu director.
Pedro Sauende afirmou que a  comuna tem muitos habitantes e que o reduzido número de enfermeiros não consegue satisfazer a procura.
A falta de médicos é outro problema referido pelo responsável do centro, que dispõe de um banco de urgência, dois consultórios e uma farmácia
Pedro Sauende disse que outra das grandes preocupações é a falta de água, o que tem prejudicado o normal funcionamento do centro.
O centro de saúde tem dois técnicos médios e 18 técnicos básico de saúde.

Tempo

Multimédia