Províncias

Centros de Cambândua precisam de enfermeiros

Afonso Belo | Cuito

A comuna de Cambândua, no município do Cuito, necessita de mais enfermeiros para reforçar e melhorar a qualidade dos serviços prestados à população da região, disse ontem ao Jornal de Angola, o administrador local.

A comuna de Cambândua, no município do Cuito, necessita de mais enfermeiros para reforçar e melhorar a qualidade dos serviços prestados à população da região, disse ontem ao Jornal de Angola, o administrador local.
 Bernardino Gabriel esclareceu que a comuna de Cambândua conta com uma população superior a 14 mil habitantes, mas existem apenas 12 enfermeiros, entre técnicos médios e básicos para assegurarem os serviços sanitários.
“Vamos continuar a trabalhar e solicitar as instância superior no sentido de nos enviar mais técnicos da saúde”, disse o responsável.
A malária, doenças respiratórias agudas, reumatismo, febre tifóide, infecções e doenças sexualmente transmissíveis são as patologias mais frequentes na região, de acordo com Bernardo Gabriel, que destacou melhorias significativas no fornecimento de fármacos e outros materiais, sobretudo gastaveis  nos postos sanitários da sede comunal, ombala Ossi e aldeia Ulombe.

Tempo

Multimédia