Províncias

Comuna do Kwanza está sem água potável

Afonso Belo | Cuito

A população da comuna do Kwanza, no município de Camacupa, na província do Bié, está privada de água potável há três meses, devido à vandalização do único gerador eléctrico, montado no centro de captação, tratamento e distribuição.

A população da comuna do Kwanza, no município de Camacupa, na província do Bié, está privada de água potável há três meses, devido à vandalização do único gerador eléctrico, montado no centro de captação, tratamento e distribuição. O facto foi revelado sábado pelo administrador daquela comuna, Fernando Tchicolomuenho, no final de uma visita ao local.
Segundo Fernando Tchicolomuenho, a população de Camacupa está desprovida de água potável, pelo facto dos malfeitores terem retirado algumas peças do único gerador que fornece energia eléctrica ao sistema de captação. Face a essa situação, segundo o administrador,  a população local voltou a consumir água imprópria, o que pode causar diversas patologias aos residentes. O administrador da comuna do Kwanza referiu que, para se evitarem as doenças causadas pelo consumo de água imprópria, a administração municipal, em parceria com os serviços de saúde, estão a trabalhar na sensibilização da população no sentido de ferverem a água antes de a consumir.
Fernando Tchicolomuenho disse que uma equipa de técnicos deslocou-se já àquela comuna, para fazer o levantamento dos danos causados ao gerador.
 O administrador  Fernando Tchicolomuenho acrescentou que os elementos acusados de terem causado os danos já estão a contas com a Polícia e serão responsabilizados criminalmente.

Tempo

Multimédia