Províncias

Comuna do Umpulu regista crescimento

João Constantino | Umpulo

A comuna do Umpulu, a 100 quilómetros  do município de Camacupa,  conta,  em breve, com novas infra-estruturas sociais, como escola, casas sociais, posto policial e sistema de abastecimento de água potável, disse, no domingo, o governador provincial do Bié.

Boavida Neto avaliou as infra-estruturas   durante uma visita de trabalho àquela localidade, onde presidiu a um acto político de massas.
O mau estado da via que liga a sede comunal do Umpulu à sede municipal de Camacupa inviabiliza o desenvolvimento da localidade, que tem no transporte rodoviario a única ligação com as restantes comunas do município.
A única estrada, de terra batida, com 100 quilómetros, leva quatro horas a ser percorrida, o que tem dificultado as trocas comerciais e o escoamento dos produtos agrícolas para os principais mercados da região. Contudo, a “boa nova” é que a sua reabilitação já está em andamento, incluindo a colocação do asfalto e construção de pontes e pontecos.
Potencialmente agrícola, a comuna de Umpulso produz batata rena, milho, feijão, arroz  e mel em abundância, que já começou a ser exportado pelos fazendeiros da região. O governador provincial do Bié inaugurou um centro médico, uma escola do primeiro ciclo, a sede da administração local, residências para os técnicos da saúde e da educação e um sistema de captação, tratamento e distribuição de água potável.

Tempo

Multimédia