Províncias

Crianças com problemas minimizados

José Chaves | Cuito

As dificuldades que as crianças das Casas Lares de Órfãos do Cuito enfrentam, em termos de livros e equipamento desportivo, foram domingo minimizadas, após uma comitiva, denominada “Caravana da Saudade”,

Crianças do lar mais animadas com a recepção de material desportivo e livros
Fotografia: Santos Pedro |

Constituída por Naturais, Amigos e Descendentes do Bié, ter feito uma doação destes materiais ao centro.
A entrega dos bens às Casas Lares do Cuito enquadra-se no âmbito da quarta edição da referida excursão, que visa comemorar as festividades da província do Bié, que se celebram amanhã, mesma data que os municípios do Cuito, Nharea e Chinguar também festejam.
O coordenador da caravana, Cordeiro Chimo, referiu que um dos principais objectivos da doação é contribuir para o enriquecimento da biblioteca local, enquanto a excursão visa promover o desenvolvimento da região.
“Devido à guerra e a necessidade de se viver em áreas com melhores condições, muitos de nós, ainda jovens, abandonámos a terra natal, para nos instalarmos noutras cidades, principalmente em Luanda. Mas, é preciso que continuemos a dar o nosso contributo para melhorar a nossa província”, referiu.
Cordeiro Chimo avançou que à margem da entrega de bens e do almoço de confraternização com as crianças das Casas Lares do Cuito, o grupo de excursionistas realizou uma “Farra da Saudade” e visitou algumas obras de carácter social em curso na província.
Durante a excursão, o grupo  homenageou ex-atletas e dirigentes desportivos da província, com a realização de uma partida de futebol salão e outra de basquetebol, jogos que decorreram no pavilhão gimnodesportivo do Sporting do Bié. António Muachilela, um dos integrantes da “Caravana da Saudade”, assegurou que o grupo vai continuar a apoiar as crianças internadas nas casas lares, quer em termos de materiais escolares, quer de equipamentos desportivos, para facilitar a integração dos jovens na comunidade.
O também radialista da Rádio Nacional de Angola disse que a comitiva tem vários projectos de apoio à crianças, idosos e aos jovens, não só os do Cuito, mas de outras municipalidades do Bié.

Tempo

Multimédia