Províncias

Defendida a construção de mais escolas técnicas

Delfina Victorino| Cuito

O director provincial da Educação, Basílio Caetano, defende a construção de mais escolas técnicas de nível médio em todos os municípios da província do Bié, na perspectiva de se salvaguardar a formação de quadros.

Expansão dos serviços da Educação permite a formação de técnicos nas terras de origem
Fotografia: Delfina Victorino|Cuito

Basílio Caetano disse haver necessidade de se erguer mais escolas técnicas, tendo em conta a diversificação na formação de quadros para as instituições industriais.
O director da Educação disse também que, para responder às necessidades do mercado local, é urgente que se aposte na construção de mais infra-estruturas no sector. “As instituições politécnicas existentes são as mais apropriadas para a criação de cursos técnicos”, referiu Basílio Caetano.
O responsável apontou dificuldades na expansão do curso de Magistério Primário nas Escolas de Formação de Professores no interior da província, o que impossibilita o enquadramento de  técnicos com formação específica no ramo da docência.
Todos os municípios da província, nove no total, possuem Institutos Médios, um investimento que está a permitir a formação de muitos quadros na região.

Tempo

Multimédia