Províncias

Director recomenda dedicação

O director da Educação na província do Bié, Manuel Gonga, aconselhou ontem, na cidade do Cuito,  os pais e encarregados de educação a incentivarem os alunos a pautarem-se por uma conduta de conservação das carteiras, quadros pretos e outros meios.

O director da Educação na província do Bié, Manuel Gonga, aconselhou ontem, na cidade do Cuito,  os pais e encarregados de educação a incentivarem os alunos a pautarem-se por uma conduta de conservação das carteiras, quadros pretos e outros meios colocados ao seu dispor.
O responsável sublinhou à Angop que só desta forma o mobiliário escolar adquirido durante o ano lectivo pode servir nos anos subsequentes.
A conservação do material didáctico, salientou, ajuda ainda a poupar os recursos financeiros empregues, por vezes, desnecessariamente pelo Estado, dado o uso inadequado dos mesmos e também pelos pais e encarregados de educação.
Anualmente, a Direcção de Educação na província do Bié distribui quantidades repetidas de livros, carteiras, quadros e outros bens diversos às escolas e alunos, no quadro do programa bata escolar, mormente às famílias mais desfavorecidas.
Este projecto tem contribuído consideravelmente para garantir a harmonia e concórdia entre os alunos, melhorando o ensino e a aprendizagem.
No presente ano lectivo, no Bié, foram matriculados 650.953 alunos em diversos níveis de ensino, distribuídos por 3.960 salas de aula. O processo de aprendizagem é assegurado por 12.997 professores.
“O nosso objectivo é garantir que todas as crianças, e não só, estajam enquadradas no sistema de ensino. É uma meta” do executivo provincial”, referiu.

Tempo

Multimédia