Províncias

Doença faz duas vítimas

José Chaves | Andulo

O município do Andulo, província do Bié, registou até ontem duas mortes por cólera, num total de seis casos diagnosticados, na última segunda-feira.

Andulo é considerado zona de risco
Fotografia: Jornal de Angola

O município do Andulo, província do Bié, registou até ontem duas mortes por cólera, num total de seis casos diagnosticados, na última segunda-feira.
O chefe da repartição municipal de Saúde, Francisco Chiquete, disse que os casos da doença foram diagnosticados em duas famílias.
A repartição de Saúde do Andulo está a realizar neste momento esforços para controlar a doença, através do isolamento e tratamento dos casos, bem como adoptando outras medidas preventivas na comunidade.
As outras quatro pessoas que padecem da enfermidade encontram-se internadas no hospital municipal do Andulo, onde recebem tratamento médico. As mesmas estão já fora de perigo.
O responsável sublinhou que uma equipa de representantes da direcção provincial de Saúde e da antena epidemiológica da OMS/Bié trabalhou anteontem, no Andulo, para avaliar a situação da doença.
Francisco Chique considerou o município do Andulo como uma zona de risco, devido à sua localização geográfica.
A localidade faz fronteira com as províncias do Huambo, Kwanza-Sul e Malange, tendo esta última registado alguns casos de cólera. O município do Andulo situa-se 130 quilómetros a norte da cidade do Cuito, capital da província do Bié. A sua população está estimada em 311.544 habitantes.
O município está dividido em quatro comunas, sede municipal, Calucunga, Chicumbi e Chivaulo.

Tempo

Multimédia