Províncias

Elogiada atitude da população na restauração da linha-férrea

Matias da Costa | Cuito

O presidente do Conselho de Administração do Caminho-de-Ferro de Benguela (CFB) elogiou, no Cuito, o apoio da população do Bié na reactivação da linha-férrea naquela província.

O presidente do Conselho de Administração do Caminho-de-Ferro de Benguela (CFB) elogiou, no Cuito, o apoio da população do Bié na reactivação da linha-férrea naquela província.
Carlos Gomes disse que só foi possível restaurar a linha-férrea tão rapidamente graças ao empenho da população e que agora o principal objectivo “é desenvolver e modernizar todas as componentes ligados à empresa” para proporcionar maior fluidez no transporte de pessoas e de mercadorias produzidas naquela província.
Para se atingirem estes objectivos traçados pelo Executivo e pela direcção da empresa, salientou o responsável, é necessário que se continue a trabalhar com espírito de equipa, pois só assim, em pouco tempo, é possível aumentar a actividade comercial e fortalecer o sector económico na região.
A situação geográfica do Bié, referiu, permite que a província seja o centro na recepção e distribuição de produtos na região e o comboio é o meio de transporte que torna mais acessível o comércio.
O PCA do Caminho-de-Ferro de Benguela frisou também a importância da colaboração dos camionistas na distribuição das mercadorias das estações do CFB. 

Tempo

Multimédia