Províncias

Empreendedorismo nas escolas do Bié

Delfina Victorino | Cuito

Chinguar e Cuito foram os municípios do Bié seleccionados para a fase experimental do programa de empreendedorismo nas escolas do I e II ciclo do ensino secundário.

Novas escolas permitem a entrada de mais crianças no sistema normal de ensino na província
Fotografia: www.jaimagens.com

As escolas do I ciclo nº 314, o Instituto Médio de Gestão (IMAG), a Escola de Formação de Professores (INE) e a do II ciclo do ensino secundário Samuel Lussaty, na comuna do Cunje, foram os estabelecimentos de ensino seleccionados para a experiência piloto no município do Cuito. Para o do Chinguar, que fica a 75 quilómetros do Cuito, foi escolhida apenas uma escola do I ciclo do ensino secundário.
O coordenador do referido programa para a região do Bié, Malanje e Cuanza Norte, Julian Zerquera, disse ao Jornal de Angola que em cada escola vão poder funcionar apenas duas turmas da 7ª classe e outras tantas da 10ª, para que os professores não sejam sobrecarregados com um grande volume de trabalho.
O objectivo da Educação é desenvolver a criatividade e o espírito empreendedor e de negócios dos adolescentes e jovens.
O director provincial da Educação, Basílio Caetano, sublinhou que é necessário o empenho de toda a sociedade para que os objectivos do programa sejam alcançados, e disse prever bons resultados durante a fase piloto do programa, devido à actual “dinâmica” dos jovens.
Outro dos propósitos que é perseguido pelo programa está relacionado com a aplicação de ideias em actividades práticas, incluindo a capacidade de resolução de problemas, acrescentou.

Tempo

Multimédia