Províncias

Escola Superior Pedagógica do Bié alarga o quadro de funcionários

A Escola Superior Pedagógica do Bié conta com 57 novos funcionários, entre professores e pessoal não docente, tendo em vista melhorar a qualidade de ensino.

A Escola Superior Pedagógica do Bié conta com 57 novos funcionários, entre professores e pessoal não docente, tendo em vista melhorar a qualidade de ensino.
Dos novos funcionários, nove são professores assistentes, cinco técnicos superiores de segunda e terceira classe, 11 técnicos médios de terceira classe, seis operadores de computadores, dois motoristas, nove trabalhadores administrativos de segunda classe, dez auxiliares de limpeza e cinco operários qualificados de segunda classe.
Com os novos funcionários, resultado do concurso público realizado este ano, a escola soma actualmente com um total de 148 trabalhadores, entre docentes e trabalhadores administrativos.
Além dos professores angolanos, a instituição conta com os préstimos de 23 professores de nacionalidade cubana.
O director-geral da escola, Alfredo Maria Paulo, afirmou estar satisfeito com a nova força de trabalho, e sublinhou que isso vai propiciar o aumento de mais especialidades, na instituição académica.
 O inspector do Governo Provincial do Bié, Martins Correia, pediu aos funcionários para manterem a disciplina e rigor na árdua tarefa de ensinar, em prol do desenvolvimento de uma sociedade sadia.
 A Escola Superior Pedagógica lecciona os cursos de Matemática do Bié, Geografia, Psicologia, Educação Primária, Física, Pedagogia e Ensino Pré-escolar, com cerca de dois mil estudantes.

Tempo

Multimédia