Províncias

Escolas privadas em destaque na final

Matias da Costa| Cuito

Alunos do sistema de ensino privado dominaram a quinta edição das Olimpíadas Nacionais de Matemática, decorridas até quinta-feira, na cidade do Cuito, província do Bié, ao vencerem as primeiras posições na classificação do concurso.

No concurso, que contou com alunos de diversas escolas de 17 províncias do país, sob o lema “O triângulo aluno-Matemática-professor”, concorreram alunos que frequentam a 6ª, 9ª e 11ª classes.
De acordo com a classificação, para a 6ª classe, a vencedora foi Alberta Márcia da Silva, aluna da escola S. José de Cluny de Luanda, ao passo que Cláudia Roque Ferraz e Judith Manuel Cathilingue, dos colégios Pim Pam Pum e Gustavo Eiffel, de Benguela, classificaram-se em segundo e terceiro lugares. Weya Hozanara Monteiro, aluna do Colégio Sol, da província da Huíla, venceu a olimpíada da 9ª classe, a frente de Agostinho Sapalo, da Escola Manguxi do Bié, e Camila Dias Esperança, do Huambo, nas posições seguintes.

Bolsas de estudo

Para a 11ª classe, o concurso apurou como primeiro classificado o aluno David da Piedade Noy, da escola nº 15 do II ciclo da província do Cuanza Sul, enquanto Aristóteles Mangumbala, do Colégio Sol (Huíla), e João Luís Tavares, da Escola Welwitchia (Namibe), quedaram-se na segunda e terceira posições. Os primeiros classificados das respectivas classes beneficiaram de bolsa de estudo, certificados de mérito, computadores portáteis, telefones e viagem às cidades de Paris e Lisboa, patrocinadas pela Associação do Ensino Particular. Os vencedores felicitaram o Ministério da Educação pela iniciativa da promoção anual das olimpíadas, assegurando que as mesmas têm permitido aos alunos vencer o tabu que se cria em torno da disciplina.
Afirmaram ainda que vão dar continuidade à formação no ramo das ciências tecnológicas, visto ser uma componente que regista grande carência de quadros a nível do país.
O secretário do Estado para a Educação, Narciso Damásio dos Santos, referiu que a realização das olimpíadas de Matemática motiva os alunos a aprofundarem as investigações.

Tempo

Multimédia