Províncias

Faltam docentes na vila do Andulo

José Chaves | Andulo

O município do Andulo, na província do Bié, precisa de pelo menos mais de 150 novos professores para os diferentes subsistemas de ensino, disse terça-feira, ao Jornal de Angola, o director da Educação, Aristides Gonçalves, adiantando que actualmente mais de 8.500 crianças estão fora do sistema normal de ensino.

No Andulo estão disponíveis 1.581 professores que garantem o funcionamento de 170 escolas, das quais 157 do ensino primário, incluindo  39 de construção provisória, segundo Aristides Gonçalves.

Tempo

Multimédia