Províncias

Governo Provincial promove levantamento

José Chaves | Cassumbe

O Governo Provincial do Bié está empenhado em fazer o levantamento para posterior programação das acções de recuperação das infra-estruturas socioeconómicas da comuna de Cassumbe, com vista a acelerar o progresso da localidade, uma das mais assoladas pela guerra.

O administrador comunal de Cassumbe, Marcelino Félix, salientou que a recuperação das infra-estruturas  de impacto social vai ajudar a restabelecer a normalidade naquela parcela do município do Andulo.
Neste momento, acrescentou, grande parte das infra-estruturas da sede comunal de Cassumbe encontra-se em avançado estado de degradação, situação que a administração pretende inverter rapidamente com obras de reabilitação.
Marcelino Félix disse que para a recuperação das infra-estruturas de impacto social da comuna de Cassumbe as autoridades estão em perfeita sintonia com o Governo Provincial e a sociedade civil.
No âmbito de tais acções, a Administração Comunal de Cassumbe tem uma nova sede completamente equipada, que vai melhorar a prestação de serviços à população, dentro do Programa Integrado de Desenvolvimento Rural e de Combate à Pobreza.

Nova sede administrativa


As instalações da sede da Administração, inauguradas pelo governador Boavida Neto, foram construídas numa área de 2.500 metros quadrados. As obras ficam orçadas em mais de 17 milhões de kwanzas.
A infra-estrutura tem sala de espera, gabinetes do administrador comunal e do seu adjunto, áreas de apoio, secretaria-geral, espaço para reuniões e departamento técnico.
O administrador de Cassumbe considera que a inauguração da sede da Administração demonstra o interesse do Governo em continuar a acabar com as dificuldades que os habitantes daquela região ainda enfrentam. Os funcionários da Administração passam a ter agora as condições indispensáveis para melhorarem o atendimento à população.
Outros empreendimentos estão a ser erguidos na comuna, com destaque para 15 casas sociais do tipo T3, que vão acomodar professores e enfermeiros.
No sector da Saúde, referiu o administrador Marcelino Félix, estão a ser desenvolvidos esforços no sentido de colocar mais unidades sanitárias de referência, sobretudo nas principais embalas e aldeias.
A construção de mais escolas nas diversas localidades da circunscrição constitui uma das grandes apostas das autoridades administrativas, que ressaltam as obras de reabilitação da estrada entre a sede municipal do Andulo e a comuna de Cassumbe.
A comuna de Cassumbe, que dista 50 quilómetros a norte da sede municipal do Andulo, na província do Bié, tem 16 embalas, 131 aldeias e uma superfície de 2.200 metros quadrados. 
Cassumbe possui uma população estimada em 40.464 habitantes, que na sua maioria se dedica à agricultura.

Tempo

Multimédia