Províncias

Gravidez precoce aumenta na região

Militantes da JMPLA no município de Camacupa, província do Bié, afirmaram, no Cuito,  a sua preocupação com o aumento de casos de gravidez precoce na região.

O primeiro secretário da JMPLA em Camacupa, Albino Caioca, referiu que a organização juvenil do MPLA realiza, em saudação ao 38º aniversário da Independência Nacional, um ciclo de palestras nos bairros e escolas, com o objectivo de informar a camada juvenil sobre a gravidez precoce, que representa um sério risco de vida para as grávidas durante o trabalho de parto.
“Estamos ainda a dialogar com a juventude sobre a prostituição e doenças sexualmente transmissíveis”, frisou.
Albino Mulanda informou, sem avançar dados, que a realidade angolana aponta para uma taxa muito alta de adolescentes a serem mães de outras crianças, o que geralmente leva a mãe ou o pai a abandonar a escola muito cedo e a comprometer o futuro.

Estudantes doam bens


A Associação de Estudantes da Escola Superior Pedagógica do Bié doou bens de primeira necessidade ao Centro Materno Infantil do Cuito. Entre os bens doados constam quantidades não especificadas de caixas óleo vegetal, sacos de farinha de milho, açúcar, sabão, leite, bolachas, massa alimentar, entre outros produtos.
O presidente da associação, Afonso Tiago, referiu que esta acção se enquadra nas comemorações do 38 º aniversário da Independência Nacional. Acrescentou que a entrega de bens vai prosseguir em outras instituições.

Tempo

Multimédia