Províncias

Hospital Municipal com novos médicos

Pelo menos três novos médicos angolanos vão reforçar ainda este mês o atendimento no Hospital Municipal de Catabola, 52 quilómetros a leste da cidade do Cuito.

Fotografia: Jaimagens | Edições Novembro


Os novos médicos vão para o município de Catabola no quadro das estratégias do Governo que visam a melhoria da assistência médica às populações da região.
Em declarações à Angop, o director municipal da Saúde, Alcino Catombela, assegurou estarem criadas as condições de acomodação para os profissionais da saúde, que vão juntar-se aos outros três estrangeiros,  que têm contribuído para a melhoria do atendimento dos doentes no Hospital Municipal. 
Malária, doenças diarreicas e respiratórias agudas, reumatismo, sida e outras infecções de transmissão sexual, febre tifóide e parasitoses intestinais são as patologias mais frequentes em Catabola, que conta com 14 estabelecimentos de saúde, onde laboram 243 funcionários, entre médicos, enfermeiros e funcionários administrativos.

Fármacos para o Huambo


Um lote de medicamentos foi entregue ao Hospital Militar da Região Centro, por iniciativa das “Organizações Katiavala”. O conjunto oferecido era constituído por soro composto, cloreto de sódio, metronidazol, ciprofloxacina, arrastadeiras, sondas de aspiração, carrinhos para transporte de medicamentos e mais de 800 mil kwanzas para aquisição de outros bens.
Com 81 camas, o Hospital Militar da Região Centro abrange as unidades das províncias do Huambo, Bié, Benguela e Cuanza Sul.

Tempo

Multimédia