Províncias

Infra-estruturas construídas no Andulo

José Chaves | Andulo

Os habitantes da povoação de Chivenguela, comuna de Chivaulo, província do Bié, vão ganhar nos próximos três meses várias infra-estruturas de impacto social, no âmbito do Programa Integrado de Desenvolvimento Rural e Combate à Pobreza.

Os habitantes da povoação de Chivenguela, comuna de Chivaulo, província do Bié, vão ganhar nos próximos três meses várias infra-estruturas de impacto social, no âmbito do Programa Integrado de Desenvolvimento Rural e Combate à Pobreza.
Na pequena localidade vão ser construídas seis casas para albergar funcionários do Estado, uma escola primária com quatro salas de aula, um posto de saúde e dois chafarizes com bomba manual para distribuição de água potável aos habitantes.
As obras estão orçadas em 23,3 milhões de kwanzas e a consignação das obras aconteceu na presença da administradora municipal do Andulo, Maria Lúcia Chicapa, chefes de repartições, entidades religiosas, tradicionais e população em geral.
A administradora municipal disse que as novas infra-estruturas vão diversificar a oferta de serviços sociais básicos à população, no âmbito da execução do Programa Municipal Integrado de Desenvolvimento Rural e Combate à Pobreza. Maria Lúcia Chicapa reiterou o empenho do governo provincial na melhoria das condições de vida da população.
Ermelinda Locusse, residente de Chivenguela, disse ao Jornal de Angola que o governo está a realizar acções concretas visando a melhoria da oferta dos serviços sociais básicos à população.
Ana António, outra residente, afirmou: “Tenho a certeza que muita coisa ainda vai mudar, porque ninguém contava que em poucos anos de paz tivéssemos importantes infra-estruturas nesta povoação”. De realçar que este ano já beneficiaram de novas infra-estruturas sociais as localidades de Etunda, Chissokokua, Canduvene, Sambalanda, Buanga, Nhongo e Chimonã. Noutras localidades recônditas do Andulo estão a ser erguidas infra-estruturas desde o início do ano.
A povoação de Chivenguela tem 7.432 habitantes distribuídos em três ombalas e 11 aldeias.

Tempo

Multimédia