Províncias

Jovens aderem no Cuito ao empreendedorismo

Delfina Victorino | Cuito

O director provincial do Bié do Instituto Nacional de Formação Profissional (INEFOP) disse ontem, ao Jornal de Angola, que os jovens da região têm aderido em grande número ao empreendedorismo e à formação técnicoprofissional.

Curso de Informática é um dos mais procurados pelos jovens da província do Bié
Fotografia: Domiano Fernandes

Francisco Tchivangulula lembrou que nos últimos dois anos surgiram na província vários projectos empresariais, o que permite aos jovens formados pelo INEFOP arranjarem emprego.
As instituições ligadas aos sectores da energia e águas, hotelaria e turismo, supermercados e fábricas de material escolar são os que empregam mais jovens formados pelo Instituto Nacional de Formação Profissional.
O director provincial do INEFOP recordou também que 616 recentemente formados na província estão aptos a entrar no mercado de trabalho.
No Cuito 241 jovens concluíram no ano passado acções de formação de nove meses  em alvenaria, bate-chapa, canalização, carpintaria, culinária, corte e costura, electricidade de baixa tensão, electrónica, informática, mecânica-auto e serralharia, segundo o director provincial do  Instituto Nacional de Formação Profissional.

Tempo

Multimédia