Províncias

Mais centros de saúde para as sedes comunais

Delfina Victorino | Cuito

Pelo menos 30 Centros de Saúde são erguidos em todas as sedes comunais da província do Bié, com o objectivo de descentralizar e aproximar os serviços básicos às populações, informou ao Jornal de Angola o director das Obras Públicas, André Kakuarta.

Autoridades locais pretendem baixar os índices de mortalidade nas comunidades rurais
Fotografia: Eduardo Pedro

No ano transacto foram planificados dez centros de saúde em alguns municípios e todos com capacidade de 30 camas.
Dos centros planificados em 2013 falta concluir um na comuna da Gamba, município de Nharea. Nas comunas do Munhango, Chiuca, Malengue, Cachingue, Trumba, Cambandua e Cieie, localizados nos municípios do Cuemba, Catabola, Chitembo e Cuito foram já erguidos centros de saúde, segundo André Kakuarta.
Dos sete centros de saúde que faltam ser construídos, este ano o Governo começou a erguer já as estruturas nas comunas de Caieie, Cahingue, Trumba e Cambândua. Os hospitais missionários do Voga e Catota, no Cunhinga, foram reabilitados. Ambos têm capacidade de albergar mais de 60 pacientes.
Outros 13 Postos de Saúde, com oito salas de atendimentos cada, são concluídos em todas as embalas da província do Bié, no decurso do primeiro semestre.

Tempo

Multimédia