Províncias

Mais de cem casos de tuberculose

João Constantino | Camacupa

As autoridades sanitárias do município de Camacupa, província do Bié,  registaram 153 casos de tuberculose, dos quais três resultaram em óbito,  durante o terceiro trimestre do ano em curso, informou o chefe do Centro de Tratamento da Tuberculose .

Fotografia: DR

Martinho Jamba explicou que  os casos de tuberculose  incidem    mais em  pessoas que têm fraca alimentação e consomem bebidas alcoólicas em excesso. “ Os números são preocupantes por estarem a aumentar mensalmente. Isso deve-se ao facto de muitos doentes estarem a abandonar o tratamento  pouco tempo depois de começarem a fazer a medicação . Portanto,  em face disso, temos estado a desenvolver campanhas de sensibilização para que as pessoas saibam dos riscos que correm ao desistirem do tratamento desta doença ,” disse.
Martinho Jamba sublinhou  que o tratamento da tuberculose dura de seis meses a um ano e muita gente não suporta a medicação  durante este tempo e acaba por complicar o quadro da sua saúde. “Realmente  o tempo de medicação  é longo e muitos doentes não têm paciência para  suportar muitos dias  com caminhadas para o hospital,  daí o elevado número  de casos de desistências.

Tempo

Multimédia