Províncias

Mais jovens em cursos profissionais

José Chaves | Andulo

O Centro de Formação Profissional e de Artes e Ofícios afecto ao Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional (INEFOP), do município do Andulo, no Bié, está a dar formação profissional a 160 jovens.

O coordenador do Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional, Orlando Baptista, afirmou que os jovens estão a receber formação em alvenaria, carpintaria, serralharia, corte e costura e informática, lembrando que no ano passado o centro profissional do Andulo formou 128 jovens.
Os cursos de artes e ofícios têm a duração de nove meses e o de informática três meses.
Orlando Baptista disse estar previsto para este ano o início de cursos de electricidade, culinária e mecânica-auto e que a procura dos jovens por cursos no Centro de Formação Profissional do município tem sido positiva. "Isso revela a vontade de os jovens aprenderem uma profissão", disse.
O coordenador do instituto apelou os jovens a frequentarem os cursos disponíveis, tendo em conta que o mercado de trabalho está cada vez mais exigente.

Tempo

Multimédia