Províncias

Melhorado fornecimento da luz

Afonso Belo e Elsa Dias| Cuito

O fornecimento de energia eléctrica e de água potável melhorou significativamente em 2013 na província do Bié, com a entrada em funcionamento das centrais térmicas e com a abertura de furos e construção de chafarizes.

Governo pretende continuar a melhorar o fornecimento de energia eléctrica à população
Fotografia: Elsa Dias| Cuito

O anúncio foi feito pelo director local do organismo, Abel Guerra Paulo.
Abel Guerra informou que o Projecto Água para Todos já beneficiou 70 por cento da população do Bié. O responsável de Energia e Águas disse que o governo da província vai continuar a trabalhar com o Ministério nas áreas que se apresentam ainda com défices.
Nesse momento 75 por cento dos projectos estão concluídos. Foram gastos 450 milhões de kwanzas na aquisição de centrais térmicas para os municípios e comunas, em termos de montagem de sistemas de abastecimento de água.
Este processo, lembrou, foi possível graças à aplicação de sistemas de energia solar.
Neste ano de 2013, disse Abel Guerra Paulo, foram recuperados 120 pontos de água e abertos 57 novos pontos com sistemas manuais ou  painéis solares, facto que permitiu o aumento do fornecimento de água às populações.
Com o aumento e melhoramento e distribuição de energia  eléctrica e águas, disse, registou-se também mais saúde nas zonas urbanas, suburbanas e rurais. Abel Guerra Paulo anunciou a criação de uma empresa  que se vai encarregar de todos os serviços do sector das águas, produção, saneamento e distribuição.
Com a entrada em funcionamento desta empresa abre-se uma oportunidade enorme para o melhoramento da distribuição de água potável, de modo a garantir o bem-estar social das famílias.
 “Vamos fazer mais, uma vez que o crescimento urbano da sede capital da província, Cuito, exige que se garanta energia e água nas novas centralidades e bairros periféricos”, sublinhou.
Abel Guerra Paulo disse que um novo programa permite substituir a rede antiga e a construção de um centro de captação e tratamento de água a partir do rio Cuquema.
O governo da província pretende, durante o ano de 2014, continuar a melhorar o fornecimento de energia eléctrica e água à população das zonas urbanas, suburbanas e rurais, mercê da concepção de um plano operacional.
 O sector vai apostar na formação dos técnicos para melhorar a capacidade de produção e distribuição.
 O desenvolvimento do país e da província, frisou, é garantido com a melhoria do fornecimento de energia eléctrica e água potável às comunidades.

Tempo

Multimédia