Províncias

Milhares de adultos na escola

Delfina Victorino | Cuito

Um total de 34.179 adultos foram alfabetizados, na província do Bié, durante o ano passado, pelo sector da Educação, em colaboração com as organizações não-governamentais locais, revelou ontem o director do sector.

As senhoras continuam a liderar as listas dos adultos inscritos para as aulas de alfabetização e aceleração escolar na província do Bié
Fotografia: José Soares

Basílio Caetano referiu que do número de alfabetizados, as senhoras continuam a liderar a lista de inscritos nas salas de ensino de adultos e aceleração escolar.
Para este ano, Basílio Caetano disse que foram cadastradas 23.662 alunas na primeira época do processo de alfabetização do referido ano, que teve duração de seis meses.
Na segunda época, Basílio Caetano informou terem sido alfabetizados 29.462 adultos em toda a província, o que demonstra um interesse cada vez maior da população em aprender a ler e a escrever, principalmente as mulheres.
O programa de alfabetização conta com o envolvimento de igrejas, com destaque para a Cáritas e Promaica, afectas à Igreja Católica, e de organizações da Igreja Evangélica Congregacional de Angola (IECA).
Basílio Caetano salientou que a Organização da Mulher Angolana (OMA), People in Need e a Brigada Hoji ya Henda também dão a sua colaboração para o aumento do número de pessoas alfabetizadas. />O programa de alfabetização e aceleração escolar na província do Bié conta actualmente com 1.061 alfabetizadores, que leccionam 1.362 turmas nas localidades periféricas das sedes municipais.
No ensino primário, Basílio Caetano informou estarem registados 495.766 alunos, desde a iniciação até a sexta classe em todos os municípios. Quanto ao número de professores para o subsistema de ensino primário, Basílio Caetano disse que a província conta  com 8.793.
Em relação ao subsistema do ensino secundário, Basílio Caetano assegurou que estão controlados 58.705 alunos e 5.559 de professores para o primeiro ciclo.
A formação agrária consta do quadro do processo de ensino e aprendizagem, bem como o processo docente-educativo, com a existência de 2.047 alunos e 182 professores.
O ensino universitário dispõe  de duas instituições, sendo uma Escola Superior Pedagógica e outra Politécnica, com 2.469 estudantes.

Tempo

Multimédia