Províncias

Milhares de mosquiteiros distribuídos no município

José Chaves | Andulo e Matias Costa | Cuito

Um total de 77 mil mosquiteiros impregnados com insecticida foi distribuído pela Brigada do Programa anti-vectorial e de controlo da malária no município do Andulo, durante uma campanha realizada nas comunas de Calussinga, Chivaulo e Cassumbl.

Objectivo é baixar os índices de mortalidade
Fotografia: Jornal de Angola

A chefe da brigada, Ana Gonzalez, disse que os mosquiteiros foram entregues a mulheres grávidas e a menores de cinco anos. A acção é uma iniciativa da Direcção Nacional de Luta Contra a Malária, em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).
A par da distribuição, as autoridades sanitárias estão a desenvolver acções de esclarecimento junto das comunidades sobre o uso correcto do mosquiteiro. “Devemos proteger-nos da malária, porque é uma doença que provoca muitas mortes no país e, em particular, na nossa província”, disse.
Até ao momento, já foram sensibilizados mais de cinco mil habitantes da sede municipal e nas comunas de Calussinga, Chivaulo e Cassumbi.
A iniciativa vai estender-se a todos os bairros, aldeias e comunas, prevendo-se distribuir mais de 120 mil mosquiteiros.
Por outro lado, o Governo do Bié está a tentar  distribuir a merenda escolar em todas as instituições do ensino primário.
O governador Boavida Neto disse que as políticas adoptadas apresentam previsões animadoras, resultante da combinação de produtos locais e processados.
Os métodos usados, no âmbito deste programa, mereceram o consenso das administrações municipais, tendo em atenção o regime alimentar de cada região. Hoje, mais de 50 mil alunos já beneficiam de refeição nas escolas.
A aplicação do programa, referiu, possibilitou a extensão e generalização de produtos e elevou o índice de aproveitamento escolar. O governador admitiu a necessidade de se reforçar a atribuição dos recursos em função do número de alunos matriculados, que rondam as 200 mil crianças. Com os recursos disponíveis, cada município tem a possibilidade de atender cerca de 2.556 crianças.

Tempo

Multimédia