Províncias

Milhões de kwanzas em projectos no Bié

Matias da Costa

O Governo do Bié vai investir este ano, no Plano Integrado de Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza, quatro bilhões 901 milhões 890 mil e 68 kwanzas, anunciou sexta-feira, no Cuito, o governador Boavida Neto.

Fotografia: DR

O mais alto mandatário da província do Bié considerou tratar-se de um plano ajustado ao novo modelo de intervenção social, que se pretende inserir em projectos estruturantes na vida dos municípios.
Ao intervir no seminário de orientação metodológica para a operacionalização do plano dirigido aos gestores dos bens públicos, Boavida Neto solicitou o acompanhamento permanente e apoio técnico aos municípios na materialização dos projectos.
O governante exige fiscalização, rigor e disciplina na distribuição e aplicação das verbas, tendo realçado, por outro lado, que espera dos administradores municipais o reafirmar do comprometimento com a causa do bem público.
 Nessa conformidade, Boavida Neto adverte para a observância dos pressupostos da implementação das orientações superiormente estabelecidas para a preservação e materialização dos objectivos traçados.
O governador do Bié alertou, ainda, que o plano é de continuidade. Por isso, os gestores públicos não devem perder de vista as acções que ficaram paralisadas.
O Plano Integrado de Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza renasceu e deu esperança às populações e vai reanimar a vida nos municípios com o fomento de pequenos e médios prestadores de serviços, proporcionando o crescimento local. Para 2018-2022, o plano estabelece a redução da pobreza para 11, 6 por cento, correspondente a três milhões de angolanos em 164 municípios.

Tempo

Multimédia