Províncias

Nharea renasce em tempo de paz

José Chaves | Nharea

As marcas deixadas pela guerra estão a ficar para trás no município de Nharea, graças à construção de novas infra-estruturas, disse ontem ao Jornal de Angola o administrador da circunscrição. 

O sector da Saúde e da Educação são os que mais se desenvolveram na região com o surgimento de mais escolas e postos médicos
Fotografia: José Chaves |

As marcas deixadas pela guerra estão a ficar para trás no município de Nharea, graças à construção de novas infra-estruturas, disse ontem ao Jornal de Angola o administrador da circunscrição. 
Nicolau Sapalo destacou os sectores da Saúde, Educação e Agricultura como sendo aqueles que mais se desenvolveram na região, ao mesmo tempo que realçou o facto de as vias de comunicação que ligam o município a outras localidades serem hoje transitáveis.
O esforço do governo é visível em quase todas áreas e, prova disso, são as centenas de pessoas que outrora viviam em condições precárias, em tendas e cubatas de pau, e que actualmente têm uma habitação digna erguida pela população, com o apoio das entidades governamentais.
O administrador realçou o sector da Educação que, só no ano passado, recebeu 133 novos professores, admitidos através do concurso público, que se juntaram a outros 1.435, permitindo uma redução considerável de crianças fora do sistema de ensino.
“O número de crianças que não vai à escola ainda é elevado, devido à insuficiência de escolas, mas estamos certos que vamos conseguir diminui-lo”, refere Nicolau Sapalo, notando que, apresar disso, o sector da Educação é o que mais tem crescido nos últimos tempos.
Este ano lectivo foram matriculados 38.480 alunos, da iniciação à 12ª classe, que estudam em 259 escolas do ensino primário, sete do I ciclo e uma do II ciclo. 
Nicolau Sapalo garantiu a existência de projectos de construção de mais escolas e casas para os professores, em vários comunas, aldeias e ombalas. A maioria das infra-estruturas localizadas na sede municipal de Nharea encontram-se em avançado estado de degradação, situação que a administração pretende inverter rapidamente com obras de reabilitação. “Pensamos recuperar todas as infra-estruturas de impacto social do município e, para isso, estamos em perfeita sintonia com o governo provincial e a sociedade civil”.
A recuperação dos principais edifícios da sede municipal vai proporcionar o bem-estar das populações locais.
Das acções já visíveis destacam-se a melhoria das condições e do equipamento do hospital municipal de Nharea, o centro de tratamento de tuberculose, a construção de escolas primárias do I e II ciclo, residências protocolares do tipo T2, sede municipal da Comissão Nacional Eleitoral e dormitórios para acomodar 24 funcionários do Estado. Constam ainda a reabilitação do largo 17 de Setembro, da praça 28 de Agosto e armazém da EDA, além de ter sido montado um novo sistema de captação, tratamento e distribuição de água potável.
Foi reabilitado a sede da direcção da Família e Promoção da Mulher, instalados serviços de telemóvel da Unitel e construído um balcão do Banco de Poupança e Crédito.
Em construção estão as futuras sedes da administração municipal de Nharea, centro infantil, Rádio Comunitária e o Palácio local.

Investimento

Devido à falta de infra-estruturas sociais e habitacionais e à degradação de algumas vias de acesso, o potencial agropecuário de Nharea ainda está longe de proporcionar a criação de riqueza indispensável, para suprir as necessidades dos seus habitantes. Por essa razão, quadros de vários sectores põem entraves em ir trabalhar para Nharea, o que condiciona o desenvolvimento social e económico da região.
Preocupado com a situação, Nicolau Sapalo solicita aos potenciais investidores que ajudem o município a crescer, para se poder criar emprego, sobretudo para a juventude, que está a emigrar para outras localidades em busca de melhor condições de vida.
Com o programa de reabilitação das vias de ligação para as áreas produtivas vai diminuir, seguramente, a distância com os centros de consumo, enquanto com as estradas intermunicipais melhoradas vai haver condições mínimas para os empresários investirem no município de Nharea, considera o administrador, Nicolau Sapalo.
O município de Nharea localiza-se a nordeste da cidade do Cuito e possui cerca de 155.470 habitantes.

Tempo

Multimédia