Províncias

Notificados mais de 700 casos de tuberculose

Um total de 775 casos de tuberculose foi notificado na província do Bié, pelas autoridades sanitárias locais, de Setembro a Outubro do ano em curso, informou ontem, no Cuito, o chefe de Saúde Pública e Controlo de Endemias em exercício.

Fotografia: DR


Falando à Angop, Paulo Chipalavela sublinhou que dos casos, 303 apresentaram tuberculose extra-pulmonar. Comparativamente ao mesmo período anterior, a província registou um aumento de 151  casos, situação que continua a preocupar as autoridades sanitárias, pelo
factodo tratamento carecer de muitos recursos financeiros.
Paulo Chipalavela frisou que, na mesma época, as autoridades sanitárias registaram a morte de seis doentes, contra 33 do período anterior.
De Setembro a Outubro do corrente ano, foram recuperados 76 doentes, 67 abandonaram o tratamento, 12 tiveram recaídas, 14 reaparecidos
e cinco transferidos para outras unidades sanitárias.
As causas  prendem-se com o abandono do tratamento da doença devido as longas distâncias que os pacientes percorrem entre as aldeias e as sedes municipais, uso excessivo de bebidas alcoólicas, associado à falta de acompanhamento por parte das famílias e a ignorância das normas de prevenção da doença no seio das comunidades.
Entre os municípios que mais casos apresentaram destacam-se o Cuito, com 368 casos, Camacupa 153 e Andulo 104.
Com vista a diminuir o problema, o sector da Saúde, em parceria com as autoridades tradicionais e igrejas, sensibiliza a população sobre os perigos e as formas de prevenção da enfermidade.
Paulo Chipalavela garantiu haver em todas as unidades hospitalares da província medicamentos para acudir os doentes
com tuberculose, apelando os cidadãos a dirigirem-se à unidade sanitária mais próxima em caso de apresentar sinais e sintomas da patologia sintománticas da doneça.

Tempo

Multimédia