Províncias

Novos sistemas de abastecimento de água potável

José Chaves | Andulo

O administrador do Andulo, Moisés Américo Cahicapaco, disse  quarta-feira ao Jornal de Angola que dez novos sistemas de captação e fornecimento de água potável estão a ser erguidos em diversas localidades do município.

Fotografia: WWW.JAIMAGENS.COM

Numa primeira fase, foram contempladas as localidades de Tumba (comuna de Calussinga), bairros Hospital, Chivili e Seabra (sede municipal).
O administrador garantiu que dentro de três meses os bairros Hospital, Chivili e Seabra (sede municipal do Andulo) vão ter água potável. As instituições públicas, como escolas, postos de saúde e outras também vão ser beneficiadas.
A população da sede municipal do Andulo já tem água potável desde 2012, num investimento do Executivo avaliado em 200  milhões de kwanzas, que consistiu na requalificação da rede de abastecimento.
As obras incidiram na melhoria da nascente, colocação de novas tubagens, reabilitação e construção de chafarizes, assim como 175 ligações domiciliares. A nova conduta tem uma extensão de cinco mil quilómetros e 340 metros e um reservatório de 60 metros cúbicos.
O Ministério da Energia e Águas tem um projecto de ampliação da rede de distribuição de água potável da sede municipal do Andulo.

Tempo

Multimédia