Províncias

Obras no Cuito em bom ritmo

Afonso Belo | Cuito

O governador do Bié, Boavida Neto, disse, ao Jornal de Angola, ter recebido garantias dos empreiteiros de que algumas obras de impacto social em curso no Cuito e na comuna do Cunje terminam dentro de 90 dias.

Boavida Neto avaliou o andamento das obras da escola de 12 salas, no Cuito, das dez casas na comuna do Cunje, da escola do bairro Helena de Almeida, do cemitério municipal, da ravina do Cangangawe e da Sé Catedral.
As obras do Largo Primeiro de Maio, do parque infantil e da piscina municipal, o local das festas da cidade, as casas dos órfãos e a escola de dez salas no bairro São José foram também avaliadas.
O governador provincial do Bié visitou as obras em curso no centro administrativo de Jimba Silili, a mediateca provincial, no edifício das direcções provinciais e as obras de requalificação da Escola Superior Pedagógica.
Boavida Neto exortou as empresas construtoras a terem maior responsabilidade e honestidade no cumprimento dos contratos assinadas. Deu instruções à equipa técnica do governo para fazer o loteamento das parcelas para a auto construção dirigida e que sejam reservados  espaços para creches, escolas, campos polidesportivos e postos de saúde.
Cabe à equipa técnica arranjar formas alternativas para o abastecimento de água potável em áreas já habitadas, com a abertura de furos ou a montagem de painéis com sistemas solares.
As obras de requalificação do cemitério municipal do Cuito decorrem a bom ritmo, segundo o responsável da empresa contratada, Brito Lima.

Tempo

Multimédia