Províncias

População do Chitembo quer água potável e luz

Matias da Costa| Cuito

O governador provincial do Bié, Boavida Neto, garantiu que em poucos meses as localidades de Malengue e Soma-Kwanza, município de Chitembo, vão beneficiar de água potável e a instalação de um sistema alternativo de rede eléctrica.

Governador do Bié Boavida Neto
Fotografia: Jornal de Angola

O governador provincial do Bié, Boavida Neto, garantiu que em poucos meses as localidades de Malengue e Soma-Kwanza, município de Chitembo, vão beneficiar de água potável e a instalação de um sistema alternativo de rede eléctrica.    
A garantia foi dada no passado fim-de-semana num acto político realizado em Chitembo, durante o qual a população pediu ao governo que defina como prioridades de investimento naquelas localidades o abastecimento de água potável e o fornecimento de energia eléctrica.
Boavida Neto prometeu acelerar a execução dos programas de integração municipal e comunal. “É com acções práticas que teremos o bem-estar da população e sentiremos a integração plena das pessoas na sociedade, com vista à transformação da consciência angolana”, disse.
Realçando o empenho do Executivo angolano em melhorar as condições de vida das pessoas, o governador pediu, aos executores das obras sociais, maior responsabilidade na observância e encaminhamento dos programas de investimentos públicos do governo, para a efectivação de uma vida digna para todos os angolanos, sem excepção.   
O administrador do Chitembo, Daniel Mucanda, realçou as necessidades apresentadas pela população e faz fé que as obras prometidas sejam executadas num curto espaço de tempo.
“Temos tido várias ocorrências patológicas provocadas pelo consumo de água imprópria. Já é tempo de melhorar este quadro”, disse Daniel Mucanda.        
 

Tempo

Multimédia