Províncias

População é sensibilizada para uso de mosquiteiros

Sérgio V. Dias | Cuito

Uma campanha de sensibilização para o uso do mosquiteiro é lançada hoje, na cidade do Cuito, anunciou, ontem, uma especialista da Iniciativa Presidencial contra a Malária (PMI).

Iniciativa reforça as acções de prevenção da malária e permite mudar comportamentos
Fotografia: REUTERS

A acção visa a redução da doença na região e é promovida pela  Population Services Internacional (PSI) Angola, em colaboração com o Programa Nacional de Controlo da Malária e a Direcção Provincial da Saúde, no âmbito do apoio da USAID-PMI, disse Eliane Mbounga.
Com o lema “Sou mãe. Protejo os meus bebés”, a campanha  reforça  as acções de prevenção da malária e visa a mudança de comportamento para a prevenção da malária, através do uso de mosquiteiro tratado com insecticida de longa duração, esclareceu Eliane Mbounga. A especialista da Iniciativa Presidencial contra a Malária salientou que a campanha de promoção e uso de mosquiteiros tem como grupo-alvo mulheres tutoras e que cuidem de crianças menores de cinco anos em várias zonas rurais do país.
Numa primeira fase, a campanha de sensibilização, que decorre até Setembro do próximo ano, é executada nas províncias do Bié, Huambo, Benguela, Malanje e Uíge.
De Março a Dezembro do ano passado, a província do Bié recebeu, através da PSI-Angola, 876.226 mosquiteiros, que beneficiaram 1.586.544 pessoas.
Durante a campanha, a PSI-Angola trabalha em colaboração com a Direcção Provincial da Saúde do Bié.

Tempo

Multimédia