Províncias

Produção de mel com mais espaço

Delfina Victorino | Cuito

 Vários apicultores do município do Cuemba, Bié, frequentam uma acção de formação promovida pela organização não-governamental (ONG) checa People In Need, que lhes vai permitir melhorar a produção de mel.

A chefe de missão daquela ONG na província do Bié afirmou haver “mercados de grandes dimensões dispostos a absorver o mel produzido no Cuemba”.
Cristina Santos disse que o mel do Cuemba tem propriedades específicas e muita qualidade pelo que pode ser vendido em vários pontos de Angola. Por outro lado, mais de 50 jovens do Bié actualizaram conhecimentos sobre gestão de  pequenos e médios negócios numa acção de formação realizada pela direcção local da Juventude e Desportos e do Fórum Angolano de Jovens Empreendedores (FAJE).
O coordenador nacional do FAJE lembrou na abertura dos trabalhos que a formação reforça os conhecimentos dos jovens empreendedores na gestão dos negócios e que evita a evitar falências.
“Devemos conhecer os aspectos pedagógicos que circunscrevem e regulam a actividade empreendedora, como planos de negócios, contabilidade organizada e a qualidade do negócio", disse Alberto Pires.
O jovem empreendedor, salientou, deve ser ousado, dinâmico e capaz de aceitar desafios que possam alavancar o seu negócio.  “Não devemos descurar a concorrência e é necessários que estejamos atentos a este factor”.

Tempo

Multimédia