Províncias

Produtores de Cutato terminaram formação

Afonso Belo | Chinguar

O Instituto de Desenvolvimento Agrário (IDA) terminou o ciclo de formação a camponeses em técnicas científicas para o aumento da produção nas zonas rurais da comuna do Cutato, no município do Chinguar, província do Bié.

Camponeses têm recebido vários apoios para poderem aumentar a produção
Fotografia: Dombele Bernardo

A referida acção formativa comportou 125 formandos e esteve virada para novas práticas de produção em cinco escolas de campo na localidade.
Os participantes receberam conhecimentos sobre a conservação dos solos e métodos de produção de pesticidas com base em plantas locais. A administradora comunal do Cutato, Fernanda Elalo Cheia, disse que esta formação abre portas para a melhoria da safra de produtos cultivados na região.
O director do IDA no Bié, Roque Pedro, exortou os camponeses a transformarem as escolas em associações ou mesmo em cooperativas para que, dessa forma, possam ter acesso aos créditos bancários.
Muitos camponeses já beneficiaram de sementes diversas, adubos e gado de tracção animal, embora de forma isolada.

Tempo

Multimédia