Províncias

Quadros da agricultura em acções de formação

Delfina Vitorino | Cuito

Técnicos das Estações de Desenvolvimento Agrícola (EDA) dos municípios de Camacupa, Catabola e da comuna da Chipeta estão a ser formados, desde segunda-feira, num seminário sobre diagnóstico rápido.

Técnicos das Estações de Desenvolvimento Agrícola (EDA) dos municípios de Camacupa, Catabola e da comuna da Chipeta estão a ser formados, desde segunda-feira, num seminário sobre diagnóstico rápido.
A acção de formação, com duração de quatro dias, decorre na comuna da Chipeta, município de Catabola, a 25 quilómetros da cidade do Cuito.
Os técnicos também vão ser formados em organização e liderança associativa.
São igualmente dadas informações sobre como criar uma associação cooperativa, a estruturação e funcionamento de uma organização, a liderança e a gestão organizacional.
A administradora comunal da Chipeta, Rosalina Fragoso, pediu aos formandos para que se esforcem a fim de conseguirem uma maior assimilação dos conteúdos sobre o combate à pobreza, tendo em conta o potencial agrícola que a província oferece.
A directora adjunta da Organização Não Governamental “Africare”, Erman Van Goor, disse que a instituição vai continuar a redobrar os trabalhos com os técnicos dos sectores da Agricultura do Bié.
O director provincial da Estações de Desenvolvimento Agrícola, Roque Receado, em representação da vice-governadora do Bié para o sector Económico, Ana Maria Mvuai, disse que o projecto vai continuar com a formação dos técnicos da Agricultura dentro dos programas e acordos existentes com o governo local, para que possam realizar um trabalho condigno.

 

Tempo

Multimédia