Províncias

Registados vários casos de raiva

José Chaves | Nhârea

Mais de 90 casos de raiva, que causaram seis mortes, foram diagnosticados de Outubro a Novembro do corrente ano pelas autoridades sanitárias do município da Nhârea, na província do Bié.

A informação foi avançada sexta-feira pelo técnico de secção veterinária da Nhârea, Augusto Jamba, que acrescentou que a maior parte de casos de mordedura por cães raivosos se registou na sede municipal e na comuna da Lubia.
Augusto Jamba disse haver muita negligência por parte da população em vacinar os cães, gatos e macacos, apesar de terem sido criadas equipas móveis para vacinar os animais de estimação.
Mas, contudo, prometeu continuar a trabalhar no sentido se combater este mal, criando equipas móveis que se vão desdobrar em vários pontos para vacinar os animais de estimação.
Segundo Augusto Jamba, as autoridades sanitárias já notificaram os Serviços Veterinários para o reforço das campanhas de vacinação. As autoridades comunais, acrescentou, têm poucas vacinas anti-rábicas e os casos de mordedura estão a ser registados nas embalas e aldeias, muito distante da sede municipal.
Augusto Jamba salientou que uma campanha foi lançada à semana passada, visando vacinar contra a raiva o maior número possível de animais de estimação.

Tempo

Multimédia