Províncias

Repartição fiscal do município arrecada milhões de kwanzas

A repartição municipal das Finanças do Cuito arrecadou, em 2010, um total de cerca de 850 milhões de kwanzas em impostos e taxas, revelou ontem o seu responsável, Pedro Custódio.

A repartição municipal das Finanças do Cuito arrecadou, em 2010, um total de cerca de 850 milhões de kwanzas em impostos e taxas, revelou ontem o seu responsável, Pedro Custódio.
Em declarações à Angop, Pedro Custódio adiantou que as receitas em causa resultaram da cobrança do Imposto sobre Rendimento de Trabalho, actividades comerciais e industriais, Imposto de Selo, serviço de conservatória, notariado e serviços comunitários. 
O chefe da repartição municipal das Finanças declarou que, em relação a 2009, houve um aumento de receitas financeiras na ordem dos 40 por cento, fruto do combate à fuga ao fisco.
Entre outras actividades foram realizadas campanhas de sensibilização junto dos comerciantes e outros operadores económicos, no sentido de fazerem os seus pagamentos nos postos fiscais, para evitar as multas.
Pedro Custódio elogiou os agentes económicos que cumprem as suas obrigações nos prazos estipulados. Para este ano, a repartição municipal das Finanças no Cuito tem previsão de aumentar as receitas, tendo em conta a extensão da actividade comercial nesta parcela do país.
De referir que é na repartição fiscal do Cuito que são pagos os impostos das vilas de Kunhinga, Katabola e Chitembo.

Tempo

Multimédia