Províncias

Safra animadora em vista

Afonso Belo | Camacupa

Mais de duas mil toneladas de milho foram produzidas numa fazenda agro-industrial do município de Camacupa, na província do Bié, anunciou o porta-voz da referida unidade, Roberto Lio.

A produção de milho e soja em fazendas da região é incentivada pelo Ministério da Agricultura
Fotografia: Paulo Damião |

A produção de milho, acrescentou, foi incentivada pelo Ministério da Agricultura e Desenvolvimento Rural, para apoiar outras regiões do país onde ocorrem com frequência calamidades naturais. Este processo de desenvolvimento do milho é gerido por técnicos chineses e angolanos ligados à gestão de terras (GESTERRA).
A fazenda tem nove mil hectares, mas nessa fase experimental foram apenas cultivados 2.200 para a produção de milho e dois mil para a de soja. Segundo Roberto Lio, no local estão também a ser testadas 88 variedades de milho e 30 de soja, para se apurar as que mais se adequam aos solos da região.
Na área industrial foram construídos seis silos com capacidade para armazenar cinco toneladas de produção cada, assim como montadas unidade moageiras para transformar 120 toneladas de milho e soja por dia. Foram, também, montadas nesta área industrial máquinas para secagem e calibragem, e erguidos laboratórios e armazéns para a acomodação dos produtos químicos, disse Roberto Lio.

Benefícios

Desde a inauguração da fazenda agro-industrial de Camacupa, em 2011, pelo titular da pasta da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Afonso Pedro Canga, 121 técnicos angolanos conseguiram emprego nessa unidade.
Sabino Cassinda, jovem de 20 anos, exerce a função de tractorista e garante que com o salário que recebe vai organizando a sua vida.
O regedor da aldeia Humbo, João Fernando Kawoma, mostrou-se satisfeito pelas informações que recebeu sobre a construção de escolas, postos de saúde e outras estruturas, para melhorar o modo de vida da população.
Informou, ainda, que os camponeses também vão beneficiar de 200 hectares de terra, que já foram preparados de forma mecanizada.

Tempo

Multimédia